COMO CUIDAR DAS FACAS- JOÃO ISIDRO

E depois de comprada uma faca, como cuidar?
Tenha ela custado 1,10, 100, 1000 ou 10.000 EUR

Se se tratar de uma faca com elevado valor de aço carbono,esse cuidado tem de ser triplicado e neste caso deve-se hidratar a lâmina com uma qualquer gordura.  A mais famosa e histórica, desde os Samurais, segundo se diz, é o óleo de semente de Camélia. Esta limpeza deve feita sempre com a lâmina limpa. Se tiver uma faca com punho de madeira hidrate-o de vez em quando, também.
Nunca, mas nunca coloque a faca na máquina de lavar, porque a festa que ocorre lá dentro pode fazer com que as lâminas choquem,umas contra as outras, danificando-as. Para além disso, os químicos dos detergentes podem também danificar a lâmina, por serem extremamente abrasivos.  Ao lavar à mão nunca se deve usar a parte abrasiva do esfregão, risca a lâmina. Também se devem usar detergentes neutros.
Nunca use a faca contra vidro ou uma base de pedra porque o vidro e a pedra são mais duros que a lâmina, logo podem danificá-la, o…

Colaborações

Maria Fátima Moura



Fátima Moura é licenciada em filosofia,pela faculdade de letras da universidade de Lisboa. A sua actividade profissional começou como professora de filosofia,no secundário. Porém,a partir de 1993 decide dedicar-se à cozinha e à tradução e edição de livros ligados a este tema.

Em 1993/1994 fez curso profissional de aperfeiçoamento de cozinha na escola de hotelaria e turismo o Estoril.

Trabalhou como tradutora e,a partir de 1998,como editora independente com as selecções do Reader´s Digest. Desta parceria nascem vários livros de cozinha.

Em 2005,apresenta um programa SIC sobre restaurantes de luxo com Martim Cabral.

Em 2008 completa a Cátedra Ferran Adria de cultura gastronómica e ciências da alimentação (Universidade Camilo José Cela,Madrid).Ainda em 2008,publica o Grande livro dos Chefs,na editora Quimera.

Em 2009,publica Cataplana Experience,na assírio &Alvim tendo recebido um prémio gourmand em 2009 e o prémio literário de 2009 da academia internacional de gastronomia.

Em 2011,lança o livro Portugal o melhor peixe do mundo, com coordenação de José Bento Dos Santos.Em 2012 sai a versão inglesa,Portugal,The best fish in the world.
Faz critica gastronómica,tendo escrito para o independente e o publico.
tem actualmente a pagina de gastronomia no facebook " Conversas à mesa com Fátima Moura" e o blog "Conversas à mesa". 


Virgílio Nogueiro Gomes



    Natural de Bragança,Virgílio Gomes,com formação e carreira profissional em hotelaria,dedicou-se desde sempre á área da restauração e investigação sobre historia da alimentação .É professor de gastronomia e cultura,e historia da alimentação e coordena em vários países estrangeiros acções de promoção da cozinha Portuguesa. Foi membro da comissão nacional de gastronomia,que levou a gastronomia a património cultural, e coordenador do seu conselho técnico.
  Presença constante em varias conferências e palestras  sobre gastronomia,lançou em 2012 o livro "Transmontanices-Causas de comer", editado pelas Edições do Gosto, e é autor do site www.virgiliogomes.com


Autoria das biografias: Edições do gosto


AGRADECIMENTO ESPECIAL