PAI NOSSO QUE ESTAIS NO CÉU, SANTIFICADO SEJA O VOSSO..

Digamos que, em pleno séc. XXI, o tema «Motivação» continua a ser tabu. Para espanto ou desagrado do leitor este continua a ser um debate que estremece os grandes velhos do Restelo, de sorriso amarelo. 
“Gosto de falar no plural, eu e a minha equipa“ ou "não me posso esquecer da minha equipa, eles são o mais importante para mim" estescontinuam a ser dos jargões mais utilizados para agrado das revistas cor-de-rosa e consequente vénia dos transeuntes menos informados, cá do burgo. A ironia está lá sempre, disfarçada por entre algumas patacoadas nervosas. Por cá, do outro lado da civilização menos representada, embora mais representativa, existe um certo desprezo para com essas lindas frases (lindas mesmo!) , porque na prática, sabemos que se resume (na maior parte das vezes) a um mero SLOGAN político. Nos casos mais sensíveis uma lágrima pode cair do canto do olho, mas depois passa. 
Mas afinal o que é isso de motivação ? Pagar uma bifana e uma palmadinha nas costas? Não. Um sor…

Anchova

Creme de anchova:
200 gr de anchovas
20 gr de gemas
100 gr de água mineral
10 gr de azeite "Guia" ver AQUI
1 gr alho seco
1 unidade folha de gelatina

Demolhar a gelatina em agua gelada durante 5 minutos.
Emulsionar todos os ingredientes ,excepto o azeite a 70ºC, até ficar homogéneo.
Adicionar a gelatina em folha e o azeite em fio.
Colocar em biberon e manter a temperatura de 60ºC constante até servir.

Flor de abóbora (cultura própria em Castelo De Paiva):
100 gr de açucar
100 gr de água mineral
5 unidades de flor de abóbora

Fazer a calda de açucar ponto pérola 32 graus baumé (pesa xaropes)
Arrefecer a calda até aos 50ºC.
Passar a flor na calda.
Colocar no forno a cerca de 32ºC por um período de 1 hora.
Retirar do forno e dar lhe a forma pretendida.
Deixar arrefecer.


Clique para ampliar