COMIDA ESCRITA

Coração Ó tu que tens o coração nas mãos! Ouve os sinos enferrujados! Anunciam de lá as missas das atrocidades e dos sermões mal contados.  Tiranias cantadas e uns vinhos cuspidos atrás do altar das promessas. De palmadinha em palmadinha, vão entrando para ouvir - de coração - os missionários poderosíssimos, pioneiros na frívola sensação pacata de nada fazer. Basta sonhar,diz o padre do altar! Basta acreditar, diz o leigo defronte à Santa injustiça!  Não rezo e não entro. Faço e procuro. Abro o dicionário e vejo que "altar" rima com "pastar". Faz-se luz no meu cérebro! Deito-me e adormeço.  É isto um snack. Para comer de boca fechada.



A Cebolinha
Genialidade quente e amorosa na simplicidade nua e fria. Quanta magia no tempo do sóbrio acto! Quanta sobriedade na irrealista verdade absoluta de querer tudo e nada possuir! Quanta realidade na vida para lá do que está morto e enterrado! Quanta verdade renasce agora sobre o que se enterrou! Não há magia, sobriedade, realidade nem verd…

The Top 50 best Restaurants

Pelo segundo ano consecutivo, o restaurante dinamarquês Noma foi eleito o melhor do Mundo.

O Noma, liderado pelo chef Rene Redzepi, foi eleito pela iniciativa 50 Melhores Restaurantes do Mundo e alia a escolha dos ingredientes à execução perfeita, proporcionando «uma forma emotiva, intensa e libertadora de comer, como nenhum outro restaurante consegue fazer».

Resta dizer que fica caro comer no Noma: um menu de sete pratos ao jantar custa 147 euros, ao qual acresce o menu de sete vinhos, mais 120 euros, num total de 267 euros.

Também há um menu de 12 pratos, escolha do chef, que fica por 187 euros.

Nesta lista de 50 não há nenhum português, mas o Vila Joya, em Albufeira, ocupa o 79.º lugar entre os cem listados.


Fonte: