CRIATIVIDADE (IN)CONSCIENTE

Publicado originalmente no ETASTE
Surge de forma consciente ou inconsciente. A parte consciente, a que controlamos, é gerida pelo lado mais racional, normalmente fechada sobre si. É o resultado do natural processo cognitivo. Esta pode ser afetada por fatores externos e até próprio estado de espírito. A parte inconsciente, a que não dominamos e nem sequer conhecemos verdadeiramente, é a responsável pelo nosso lado mais infantil e primitivo de toda a associação de ideias. Juntas são nada mais nada menos que sistemas organizados, quase automáticos na forma e no lugar. Servem-nos para agilizar o processo que se quer tão lento quanto possível.
Lentidão é a palavra-chave. A rapidez perturba quase sempre a tomada de decisões. Por isso não é bem-vinda, apenas na execução. A lentidão é por isso benéfica, pois resulta frequentemente, em vários processos difusos que se acumulam na desordem. A confusão ou mudança de perspetiva é obrigatória. A partir destas haverá, naturalmente, um início, e com is…

Sechuan buttons

EXPERIENCIA DE FICAR COM CABELOS EM PÉ!!!

O sabor desta flor na boca é semelhante a um choque eléctrico. A sensação na boca começa com um borbulhar, semelhante ao do champagne no topo da língua. De seguida espalha-se pela boca, dando uma sensação de dormência até às bochechas, com uma salivação extra à mistura. Em resumo, ou se gosta ou se odeia, mas é uma sensação que não se esquece.

Estes botões de flor, são originários de África e da América do Sul, quando os dois continentes tinham ligação. Actualmente também encontrados na região de Sechuan na China, de onde vem o nome - Sechuan Buttons. Sugestões de utilização: num cocktail, sorbets e sobremesas...