EUSKALDUNA ENGANA

O Euskalduna é um restaurante discreto que funciona à porta fechada. Actualmente atravessa um bom momento (espero que seja  por muitos anos ) , fui perceber o porquê e fui enganado.

Passa uma imagem ao exterior como bom restaurante e afinal...  é um excelente restaurante.
Quem comanda o dia a dia nos fogões é o Vasco Coelho Santos, chefe e proprietário, entrevistado por mim há 3 anos atrás VER.
O menu não é fixo.
Um dos factores que mais me entusiasmou foi o facto de poder estar a assistir a todo o serviço.
Uma experiência no verdadeiro sentido.
Não venho aqui fazer qualquer tipo de julgamento público,muito menos apreciações técnicas aprofundadas-essa parte deixo para os ditos foodies, "especialistas " de todos os assuntos possíveis e imaginários.




Lapso meu: Não fotografei o folar transmontano, nem os petits-fours. O folar era um caracol folhado, cheio de sabor,  em dose reduzida mas suficiente. Nos petits-fours o que me chamou mais à atenção foi a goma de alho, um dente de…

Charutos de ananás dos Açores

Com mousse de chocolate...


Ingredientes:

Ananas 600gr

Mousse de choc:

Choc negro 625 gr

Gemas 9 uni

Natas 3 dl

Queijo creme 250 gr

Azeite de laranja:

Laranja(sumo) 5dl

cardamomo 2 uni

Azeite virgem extra frutado doce 1,5 dl

Sal

Açucar 100 gr

Estaladiços:

Ananás 100gr

Laranja 2 uni

Açucar em pó

Preparação:

Para a mousse derreta o choc. em banho-maria. junte as gemas e o queijo creme e adicione depois de frio as natas batidas.

Para obter os charutos, disponha as fatias de ananás em superficie plana, coloque sobre cada uma, uma porção de mousse, enrole e reserve.

Para o azeite coloque uma caçarola em lume brando,sumo de laranja,cardamomo sal e o açucar. Deixe reduzir a 1/3. Deixar amornar juntar o azeite e emulsione no copo misturador até ficar homogeneo.

Para os estaladiços dispor o ananas e a laranja eu pessoalmente prefiro colocar em tapete slipat anti aderente e polvilhar com a açucar e levar á salamandra para desidratar caso nao a tenha leve ao forno a 80Cº

BY:VITOR SOBRAL