COMIDA ESCRITA

Coração Ó tu que tens o coração nas mãos! Ouve os sinos enferrujados! Anunciam de lá as missas das atrocidades e dos sermões mal contados.  Tiranias cantadas e uns vinhos cuspidos atrás do altar das promessas. De palmadinha em palmadinha, vão entrando para ouvir - de coração - os missionários poderosíssimos, pioneiros na frívola sensação pacata de nada fazer. Basta sonhar,diz o padre do altar! Basta acreditar, diz o leigo defronte à Santa injustiça!  Não rezo e não entro. Faço e procuro. Abro o dicionário e vejo que "altar" rima com "pastar". Faz-se luz no meu cérebro! Deito-me e adormeço.  É isto um snack. Para comer de boca fechada.



A Cebolinha
Genialidade quente e amorosa na simplicidade nua e fria. Quanta magia no tempo do sóbrio acto! Quanta sobriedade na irrealista verdade absoluta de querer tudo e nada possuir! Quanta realidade na vida para lá do que está morto e enterrado! Quanta verdade renasce agora sobre o que se enterrou! Não há magia, sobriedade, realidade nem verd…

Charutos de ananás dos Açores

Com mousse de chocolate...


Ingredientes:

Ananas 600gr

Mousse de choc:

Choc negro 625 gr

Gemas 9 uni

Natas 3 dl

Queijo creme 250 gr

Azeite de laranja:

Laranja(sumo) 5dl

cardamomo 2 uni

Azeite virgem extra frutado doce 1,5 dl

Sal

Açucar 100 gr

Estaladiços:

Ananás 100gr

Laranja 2 uni

Açucar em pó

Preparação:

Para a mousse derreta o choc. em banho-maria. junte as gemas e o queijo creme e adicione depois de frio as natas batidas.

Para obter os charutos, disponha as fatias de ananás em superficie plana, coloque sobre cada uma, uma porção de mousse, enrole e reserve.

Para o azeite coloque uma caçarola em lume brando,sumo de laranja,cardamomo sal e o açucar. Deixe reduzir a 1/3. Deixar amornar juntar o azeite e emulsione no copo misturador até ficar homogeneo.

Para os estaladiços dispor o ananas e a laranja eu pessoalmente prefiro colocar em tapete slipat anti aderente e polvilhar com a açucar e levar á salamandra para desidratar caso nao a tenha leve ao forno a 80Cº

BY:VITOR SOBRAL